Diadema é premiada por apoio à mulher trabalhadora que amamenta

Iniciativa que garantiu o Troféu David Capistrano concorreu com mais de 900 projetos em saúde e será apresentada em congresso nacional

Da Redação – O trabalho desenvolvido pelos serviços de saúde de Diadema para incentivar a rede de apoio à mulher trabalhadora que amamenta foi reconhecido no 33º Congresso de Secretários Municipais de Saúde (Cosems) do Estado de São Paulo e levou o troféu David Capistrano.

O congresso foi realizado entre 27 e 29 de março, em
Águas de Lindóia, e o projeto “Estratégias da Vigilância à Saúde na construção
da rede de apoio à mulher trabalhadora que amamenta, em Diadema” concorreu com
outras 994 iniciativas de municípios de todo o estado. Diadema foi um dos 10
municípios premiados em âmbito estadual.

O estudo registrou as atividades desenvolvidas, durante o
ano de 2018, para incentivo, apoio, promoção e proteção à alimentação saudável
na infância, como elaboração de guia para implantação de salas de apoio à
trabalhadora que amamenta a ser usado nas inspeções sanitárias e da saúde do
trabalhador, comunicação de 400 estabelecimentos referentes ao cumprimento das
normas brasileiras de comercialização de alimentos para lactentes e primeira
infância (NBCAL), checagem de vacinação infantil e presença de sala de coleta
de leite.

“O Congresso do Cosems é o evento de saúde pública mais
importante de São Paulo porque congrega todas as secretarias municipais do
estado. Um dos pontos altos é a Mostra e Diadema, em sua terceira participação,
cresceu muito”, afirmou o secretário municipal de Saúde, Luís Cláudio Sartori.
Neste ano, o município encaminhou 65 projetos de experiências positivas de
áreas como Atenção Básica, Saúde Bucal, Vigilância à Saúde, Assistência
Farmacêutica e Saúde Mental. Todos foram selecionados para apresentação em
pôster na 16ª Mostra de Experiências Exitosas dos Municípios, 14 foram
selecionadas para apresentação oral aos participantes do Congresso.

Além da ação premiada, Diadema ainda teve mais três
projetos selecionados que vão representar o estado de São Paulo na 16ª Mostra
Brasil aqui tem SUS, realizada no XXXV Congresso Nacional de Secretarias
Municipais de Saúde, entre 2 e 5 de julho, em Brasília. Entre os temas
abordados nos projetos estão cobertura vacinal e uso racional de medicamentos.

“Estamos muito contentes pelo reconhecimento e a
possibilidade de ter um prêmio nacional. Assim, Diadema servirá de experiência
exitosa que pode ser aplicada em outros municípios”, finalizou o secretário.

Referência

Em 2018, foram inscritos 45 trabalhos e o município
recebeu, pela primeira vez, o Prêmio David Capistrano pelo projeto “Estratégias
para o controle da Sífilis Congênita no município de Diadema/SP”, com o
trabalho de pré-natal desenvolvido na rede municipal. Outras três experiências
sobre tratamentos de dores crônicas e vigilância sanitária foram selecionadas
para a mostra nacional.

O post Diadema é premiada por apoio à mulher trabalhadora que amamenta apareceu primeiro em CliqueABC.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *