Do rap consciente e motivacional ao romântico: rapper de Santo André abre o coração em nova produção musical

MC Araújo Paz, morador da Vila Alzira Franco, lançou o EP ‘Confissões’, trabalho que traz um novo rumo para a sua carreira

Há 12 anos se dedicando ao rap e à cultura hip hop com letras que falam sobre realidade periférica, consciência, motivação e resistência, Everton Araújo, mais conhecido como MC Araújo Paz, deu um novo rumo para a sua carreira. Morador da Vila Alzira Franco, em Santo André, ele lançou o EP ‘Confissões’, obra com cinco faixas exclusivas que mistura R&B Trap com uma linguagem romântica que relata as suas vivências amorosas, inspiradas nos bailes black music dos anos 2.000.

O novo trabalho, segundo o poeta e militante da cultura hip hop, foi um divisor de águas. Falar de amor nem sempre é uma tarefa fácil, ainda mais quando abordamos os nossos próprios sentimentos, mas ele não teve medo de se expressar. Romance, desejos, esperanças, lembranças e vivências são alguns dos temas das suas músicas.

“Um trabalho desafiador em termos de composição e expressão. Foi algo que me levou a outro universo, fez eu me conhecer e externar muita coisa que estava no meu coração, guardado a sete chaves”, comenta Araújo Paz.

Os seus amigos, familiares e admiradores estavam acostumados a ouvir discursos mais sérios e rústicos. Segundo ele, a sua nova obra musical veio com a proposta de trazer amor, alegria e diversão. “Nunca lancei uma música referente à temática de amor. Foram coisas simples e sinceras que coloquei em cada letra. Eu consegui fazer uma parada romântica e ao mesmo tempo dançante, sem deixar de lado quem eu sou”.

A faixa de número três, que inclusive é um dos repertórios que trazem declarações mais profundas e sentimentais, é a sua preferida. Diz o refrão: ‘Coisas do coração que não se passam em vão. Tem sempre explicação, sei não. Prefiro acreditar que vem pra transformar. E se o olho brilhar é só deixar rolar’.

O EP ‘Confissões’ já está disponível nas plataformas digitais Spotify, Music AppleAmazon MusicYoutube, dentre outras. Para ouvir as músicas, basta pesquisar por ‘Araujo Paz – Confissões’. Todo o trabalho foi financiado com verba proveniente da lei de incentivo à cultura Aldir Blanc.

Vida de artista

MC Araújo Paz lançou o seu primeiro trabalho fonográfico em 2019. Intitulado ‘Chama Viva vol. 1″, a obra é uma mixtape que contém dez faixas voltadas mais ao rap ‘tradicional’, com letras que pregam conscientização e motivação e colocam a periferia em pauta.

Produtor musical e audiovisual há dois anos, ele grava as suas próprias músicas e dirige os seus vídeos clipes. Com sua produtora Álbum de Rua, Araújo Paz também atua com outros artistas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.