Manifestantes incendeiam ônibus após morte em ação policial na Zona Sul de SP

Segundo a Polícia Civil, agentes de São Bernardo do Campo foram à região fazer intimação e houve troca de tiros com um suspeito. Prefeitura diz que ônibus foi alvo de vandalismo por volta das 16h30 e que acionou a PM.

Manifestantes atearam fogo e incendiaram um ônibus de transporte público municipal na tarde desta sexta-feira (14) na Avenida Guido Caloi, na Zona Sul de São Paulo.

Segundo a Polícia Civil, investigadores do Setor de Homicídios e Proteção à Pessoa de São Bernardo do Campo, no ABC Paulista, foram até o bairro Jardim São Luiz, na Zona Sul da capital, fazer uma intimação. Enquanto procuravam um endereço, teriam percebido um homem suspeito em uma viela.

Os policiais civis disseram que, então, o suspeito sacou uma arma e houve um tiroteio. O homem foi baleado e morreu.

A Polícia Militar foi acionada para o caso após os manifestantes, descontentes com a operação e a morte, iniciarem o protesto.

Em nota, a Prefeitura de São Paulo informou que o “ônibus foi alvo de vandalismo por volta das 16h30”. O veículo fazia a linha 7004/10 Term. Jardim Jacira – Est. Santo Amaro/Guido Caloi.

A SPTrans, empresa pública paulistana responsável pelo transporte público municipal, disse que “repudia atos de vandalismo e contata a Polícia Militar em tais circunstâncias”.

Fonte:
https://g1.globo.com/sp/sao-paulo/noticia/2021/05/14/manifestantes-incendeiam-onibus-apos-morte-em-acao-policial-na-zona-sul-de-sp.ghtml

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.