Dra. Regina Maura assume Presidência da FUABC

Indicada pelo prefeito Paulo Serra em consenso com os prefeitos José Auricchio Júnior e Orlando Morando, médica comandará cerca de 26 mil funcionários e orçamento de R$ 3 bilhões aprovado para 2022 

Ex-secretária de Saúde de São Caetano do Sul, Dra. Regina Maura Zetone Grespan assumiu na manhã desta quinta-feira (13/01/2022) a Presidência da Fundação do ABC (FUABC) para o biênio 2022-2023. A dirigente foi eleita por unanimidade pelo Conselho de Curadores – órgão máximo de deliberação da entidade. O vice-presidente da FUABC, Dr. Luiz Mário Pereira de Souza Gomes, foi reconduzido e seguirá no cargo, assim como José Antônio Acemel Romero, que permanece como secretário-geral.

Dentro da gestão tripartite que rege a Fundação do ABC, as prefeituras instituidoras – Santo André, São Bernardo e São Caetano – se revezam na administração da entidade a cada dois anos. Dra. Regina Maura foi indicada pelo prefeito Paulo Serra em consenso com os prefeitos José Auricchio Júnior e Orlando Morando.

Caracterizada como pessoa jurídica de direito privado, qualificada como Organização Social de Saúde e entidade filantrópica de assistência social, saúde e educação, a FUABC está presente em unidades de saúde instaladas em Santo André, São Bernardo, São Caetano, Mauá, Diadema, Guarulhos, Itatiba, Itapevi, Sorocaba, São Paulo (Capital) e Mogi das Cruzes, além de Praia Grande, Santos e Guarujá.

QUALIFICAÇÃO

Graduada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Santos, especialista em Ginecologia e Obstetrícia, Dra. Regina Maura Zetone Grespan é pós-graduada em Gestão e Economia da Saúde. Em 2007 foi diplomada “Aluna Honorária” do Centro Universitário Faculdade de Medicina do ABC (FMABC). Traz experiência de 25 anos de atuação em gestão de Saúde Pública e 15 anos à frente da Secretária Municipal de Saúde de São Caetano do Sul, sendo a gestora que conduziu o combate à pandemia do novo coronavírus na cidade. Atualmente é professora na Faculdade de Medicina da Universidade de São Caetano do Sul e deixa o cargo de diretora executiva da Fundação de Apoio à USCS (FAUSCS) para assumir a Presidência da FUABC.

A nova dirigente terá o desafio de comandar uma das maiores instituições do País, com cerca de 26 mil funcionários e orçamento de R$ 3 bilhões aprovado para 2022. Hoje a Fundação do ABC é gestora de 18 hospitais e 6 Ambulatórios Médicos de Especialidades (AMEs), além do Centro Universitário FMABC e de uma Central de Convênios, que está à frente de dezenas de unidades nas áreas de Atenção Básica, Saúde Mental, Urgência e Emergência, entre outras.

“Estou emocionada em assumir uma função tão importante para a região toda do ABC. É motivo de muito orgulho e assumo esse desafio com lealdade e austeridade. O máximo de competência que puder colocar estarei empenhando nessa minha atividade. Missão dada é missão cumprida”, afirmou a nova presidente da FUABC.

Nas primeiras palavras à frente da entidade, Regina Maura reforçou dois compromissos centrais de sua gestão. “Essa é uma Fundação sólida, cresceu muito e existe pela Faculdade de Medicina do ABC. Não vamos perder esse foco. Além disso, concentraremos esforços nos municípios da região do ABC. Temos que enfatizar a Saúde em nossas cidades”, garantiu a nova presidente, ao elogiar o trabalho do Conselho de Curadores: “Fiquei encantada com a composição qualificada da Curadoria e da forma como é participativa, dando importante respaldo a tudo que venhamos fazer pela Fundação, pelos municípios e pela Saúde de nossa região”, concluiu.

REFERÊNCIA

Declarada instituição de Utilidade Pública nos âmbitos federal e estadual e na cidade-sede de Santo André, a Fundação do ABC foi criada em 1967 pelas cidades de Santo André, São Bernardo do Campo e São Caetano do Sul, com objetivo de implantar uma faculdade de medicina na região do ABC Paulista. Deu certo! Em 1969, surgia a Faculdade de Medicina do ABC – hoje Centro Universitário FMABC, uma referência nacional em ensino, pesquisa, extensão e assistência.

Ao longo dos anos, a FUABC foi se consolidando cada vez mais como parceira estratégica de municípios e do Governo do Estado de São Paulo para a gestão de equipamentos públicos de saúde, primando pela qualidade no atendimento, alta resolutividade e humanização.

Anualmente, a rede de saúde da Fundação do ABC realiza mais de 5 milhões de consultas e atendimentos, além de 68 mil cirurgias, 83,5 mil internações e 12,6 milhões de exames e procedimentos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *