Santo André faz campanha on-line para ampliar coleta seletiva na cidade

Com recrudescimento da pandemia e a queda na geração de resíduos recicláveis, município registrou neste ano diminuição de até 30% no volume de materiais que chega às cooperativas

Santo André, 25 de maio de 2021 – O Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André), com apoio da Prefeitura, está realizando uma campanha on-line para conscientizar os moradores da cidade a participarem da coleta seletiva, com o objetivo de minimizar os impactos da queda na geração de resíduos recicláveis devido à redução da atividade econômica, que ocorreu durante o período de recrudescimento da pandemia.

“Começamos uma campanha nas redes sociais para sensibilizar a população a melhorar a separação de resíduos secos e úmidos, visto que na comparação de janeiro e abril deste ano o índice de materiais coletados porta a porta caiu 30%, passando de 712.610 kg para 498.560 kg. Hoje, mais de 120 pessoas que trabalham nas duas cooperativas da cidade dependem da reciclagem para ter renda e sustento. Precisamos ajudar essas famílias e o meio ambiente”, explica o superintendente do Semasa, Gilvan Junior.

Para conscientizar sobre a importância da reciclagem e aumentar a adesão da população à coleta seletiva, as redes sociais do Semasa e da administração municipal estão divulgando semanalmente publicações que informam os dias e horários em que o caminhão passa nos bairros da cidade. A autarquia também produziu materiais com depoimentos de cooperados para sensibilizar a população e ainda prepara ações práticas para fortalecer a coleta seletiva em condomínios habitacionais, locais com grande produção de resíduos.

Além da desaceleração da atividade econômica, outro fator observado pela autarquia que culminou no declínio da quantidade de recicláveis foi o aumento de catadores nas ruas, que passaram a recolher papelão, latinha, garrafa PET e metal, dentre outros, antes do caminhão de coleta seletiva passar.

Com o objetivo de incorporar catadores no sistema formal de triagem e venda de materiais secos, por meio das cooperativas de reciclagem, o Semasa está preparando uma licitação para desenvolver um diagnóstico do número de pessoas que recolhem resíduos pelas ruas. A expectativa é que o estudo fique pronto até o final deste ano, o que será fundamental para fomentar políticas públicas que incluam os catadores no Programa de Coleta Seletiva de Santo André.

Estações de Coleta – O volume de resíduos recicláveis recebido nas Estações de Coleta também caiu 26% na comparação dos meses de janeiro e abril deste ano. A quantidade passou de 226.376 kg para 166.845 kg.

Além disso, o número de doações de resíduos secos por meio de empresas, instituições e órgãos públicos praticamente zerou em abril.

Os serviços de coleta seletiva porta a porta abrangem 100% do município, sendo que o caminhão de resíduos secos passa uma vez por semana. Os dias e horários para a coleta domiciliar, tanto de recicláveis quanto de úmidos, podem ser consultados no site do Semasa, em http://bit.ly/diacoleta.

| Texto: Susi elena
| imprensa@semasa.sp.gov.br / 4433-9659
| Fotos: Divulgação/Semasa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *